Preço médio da gasolina cai pela 6ª semana seguida, aponta ANP

Funcionamento do Sindicombustíveis Bahia no São João
22/06/2017
Abastecimento de combustíveis no Brasil pode falhar em 5 anos, diz ANP
23/06/2017
Mostrar tudo

Fonte: Portal G1

O preço médio da gasolina no país caiu pela 6ª semana consecutiva, segundo dados divulgados nesta sexta-feira (23) pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP). O valor médio por litro caiu de R$ 3,561 na semana encerrada no dia 17 para R$ 3,542 nesta semana, um recuo de 0,53%. Trata-se do menor valor desde novembro de 2015.

O preço médio por litro do diesel também apresentou queda na semana, passando de R$ 2,997 para R$ 2,981. Já o litro do etanol caiu de R$ 2,494 para R$ 2,472, segundo a ANP.

Preço médio da gasolina cai pela 6ª semana seguida, aponta ANP (Foto: Arte G1)
A nova queda acontece após a Petrobras ter anunciado na semana passada redução de 2,3% do preço da gasolina nas refinarias e de 5,8% no diesel.

O repasse ou não da redução do preço aos consumidores depende dos postos de gasolina.
A Petrobras estima que, se o novo ajuste anunciado for integralmente repassado e não houver alterações nas demais parcelas que compõem o preço ao consumidor final, “o diesel pode cair 3,5%, ou cerca de R$ 0,11 por litro, em média, e a gasolina, 0,9% ou R$ 0,03 por litro, em média”.

Nova política de preços
A Petrobras pratica desde outubro uma nova política de definição de preços dos combustíveis, com reuniões periódicas para definir os valores da gasolina e do diesel nas refinarias. As reuniões, incialmente, eram mensais, mas a Petrobras decidiu rever os preços de combustívels com uma frequência ainda maior.
“Chegamos recentemente à conclusão de que a periodicidade mensal é obviamente muito melhor do que existia anteriormente, mas ainda não lida com as variações do câmbio e do petróleo internacional. Estamos considerando seriamente a possibilidade de aumentar essa frequência”, afirmou nesta semana o presidente da estatal, Pedro Parente.

Desde que começou a nova política de preços, a Petrobras já anunciou cinco cortes e dois aumentos no preço dos combustíveis.

No dia 14, a estatal anunciou redução do preço médio nas refinarias em 2,3% para a gasolina e em 5,8% para o diesel. Foi a segunda redução em 20 dias. No dia 25 de maio, a estatal tinha reduzido o preço médio nas refinarias em 5,4% para a gasolina e em 3,5% para o diesel.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *