Grupo Ultra vê início de melhora em combustíveis

Petrobras: no pior trimestre para o petróleo da história, o que esperar para o resultado da estatal?
15/05/2020
Ultrapar tem queda de 30% nas vendas de combustíveis devido à pandemia
15/05/2020
Mostrar tudo

Fonte: Valor

Depois da queda de 30% nos volumes de distribuição de combustíveis com o avanço da covid-19 no Brasil, a partir de meados de março, a Ultrapar, dona da Ipiranga, percebeu nos últimos dias alguma melhora na demanda. Ainda assim, o cenário permanece incerto e as projeções para os resultados em 2020, que caminhava para ser um ano de virada, foram suspensas apesar das indicações de desempenho positivo para quase todos os negócios do grupo no trimestre em curso.
Segundo o presidente do Ultra, Frederico Curado, todos os negócios – Ipiranga, Oxiteno, Ultragaz, Ultracargo e Extrafarma – apresentaram boa performance no primeiro trimestre, embora o resultado da distribuidora de combustíveis tenha sido pressionado pela abrupta desvalorização do petróleo, que gerou perdas de estoque da ordem de R$ 100 milhões.
No período, o lucro consolidado de R$ 169 milhões e o resultado antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado de R$ 880 milhões vieram acima do esperado pelo mercado. “Tivemos um bom primeiro trimestre, em linha com as expectativas”, afirmou.

Para ler esta notícia, clique aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *