Linha do BNDES para etanol pode demorar a deslanchar

O Mercado Brasileiro de Combustíveis diante da Crise
22/06/2020
Etanol: hidratado recua 0,83% após sete semanas em alta; anidro segue valorizado
22/06/2020
Mostrar tudo

Fonte: Valor Econômico

Reivindicada pelas usinas desde o início da crise, a linha de R$ 3 bilhões de financiamento de estoques de etanol anunciada pelo BNDES chega num momento em que o mercado do biocombustível se afastou um pouco do fundo do poço – o que poderá gerar, em um primeiro momento, uma demanda mais fraca que a esperada.
A linha foi criada para impedir que o etanol vá para o mercado assim que produzido, justamente no período em que o consumo está mais abalado. Porém, embora as vendas ainda estejam baixas, as quedas têm sido menos avassaladoras do que se esperava no início da crise, e os preços estão inclusive reagindo.
Em maio, as vendas de etanol hidratado das usinas do Centro-Sul ainda estavam 30% abaixo do ano passado, mas superaram em pouco mais de 100 milhões de litros as de abril, quando as medidas de isolamento social eram mais rigorosas.
Paralelamente, as cotações do petróleo começaram a se recuperar em maio conforme o corte de produção dos países da Opep+ passou a fazer efeito e a curva da pandemia começou a achatar em vários países. Nesse ínterim, a Petrobras já elevou a gasolina A em 58% desde a mínima do ano, em 27 de abril.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *