Sem gasolina, venezuelanos apelam para botijões de cozinha instalados em carros

Scania entrega os primeiros caminhões a gás do Brasil
29/05/2020
Câmara aprova MP que permite redução de jornada e salários
29/05/2020
Mostrar tudo

Fonte: Extra

A crise de abastecimento de combustíveis se tornou crônica na Venezuela. A solução encontrada por donos de carro está sendo utilizar nos veículos os botijões de gás usados geralmente em cozinha. A prática, condenada por especialistas em segurança industrial por causa do risco de explosão, está se tornando cada vez mais comum no país sul-americano, de acordo com a agência Reuters.

A Venezuela, um membro da OPEP e que está no topo das maiores reservas de petróleo do mundo, está sofrendo a pior crise de falta de gasolina da sua História moderna devido a um colapso quase completo de suas refinarias combinada com as sanções econômicas impostas pelos EUA, que dificultam a importação de combustível.

Os mecânicos e, em alguns casos, os próprios motoristas renovam os sistemas de combustível dos veículos com um cilindro de propano do tipo usado para fogões de cozinha, para evitar as filas em postos de gasolina que às vezes deixam as pessoas esperando dias para abastecer.

“Não há combustível na Venezuela e eu tive que montar meu carro assim para poder trabalhar e levar para casa meu pão diário”, disse Senen Aguirre, 25 anos, na cidade de Maracaibo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *