Shell dá passo em energia renovável no Brasil com outorga de 3 usinas solares

Petrobras adia redução de dívida
29/04/2020
Sem ajuda do governo, usinas começam a parar em até duas semanas, diz Única
29/04/2020
Mostrar tudo

Fonte: Estadão Conteúdo

Em meio à crise do mercado de petróleo, a Shell Brasil deu o primeiro passo para gerar energia renovável no País, com o pedido de outorga de três usinas solares fotovoltaicas no município de Brasilândia de Minas, em Minas Gerais, com capacidade total de 150 megawatts.
A empresa já havia manifestado interesse em diversificar sua atuação no mercado brasileiro, em linha com o compromisso da sua matriz de alcançar a neutralidade de carbono em 2050.
A iniciativa segue as de outras petroleiras, como Equinor e Total, que já possuem projetos de energia renovável no Brasil, e na contramão da Petrobras, que suspendeu um piloto de energia eólica offshore no Rio Grande do Norte.
O pedido da Shell está sendo analisado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e consiste na construção de três parques, Aquarii 1, 2 e 3, com capacidade instalada de 50 MW cada.
A Shell é a segunda maior produtora de petróleo brasileira, atrás apenas da Petrobras, com média de 441,7 mil barris diários de óleo equivalente em março, ou 11,83% do total produzido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *