Petrobras: venda de diesel no mercado interno sobe 3,8% no 2º trimestre

Produção de gasolina da Petrobras cai quase 20% por causa do coronavírus
22/07/2020
TJBA julga ação que combate a alta alíquota do ICMS de gasolina na Bahia
22/07/2020
Mostrar tudo

Fonte: Estadão

Apesar da crise decorrente da pandemia da covid-19 e da retração do mercado interno, a Petrobras conseguiu vender mais óleo diesel e gás liquefeito de petróleo (GLP) no segundo trimestre deste ano, como informou em seu boletim de produção. As vendas subiram 3,8% e 10%, respectivamente, comparadas ao trimestre imediatamente anterior.
De abril a junho, a estatal comercializou no Brasil 633 mil barris por dia (bpd) de diesel e produziu 650 mil bpd do derivado. A produção foi 2,4% inferior à do primeiro trimestre deste ano.
“Houve recuperação da demanda de diesel e gasolina em maio e junho com relação aos dois meses anteriores, que foram impactados pelas ações de isolamento social. Com isso, tivemos aumento de vendas e market share nesses produtos”, afirmou a empresa.
Apesar de a Petrobras informar a recuperação do mercado de gasolina, na média do segundo trimestre, o desempenho do combustível foi negativo, comparado ao período de janeiro a março. A produção do derivado caiu 19,4%, para 290 mil bpd, e a venda, 14,5%, para 282 mil bpd. Com isso, unidades de três refinarias – Replan, Regap e Reman – foram paralisadas. A da Reman, em Manaus, só será retomada em janeiro do ano que vem.
Já a venda de GLP ficou em 242 mil bpd e a produção, em 124 mil bpd, o que demonstra que quase a metade do fornecimento interno foi garantido via importação. Com a população em quarentena, cresceu o consumo do botijão de gás no País.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *