Confiança retrocede e pessimismo aumenta entre empresários baianos em outubro

Leilão do pré-sal decepciona; governo avalia mudança após atuação da Petrobras
08/11/2019
‘A Petrobrás não quer privilégio ou preferência’
08/11/2019
Mostrar tudo

Fonte: SEI BAHIA

O Indicador de Confiança do Empresariado Baiano (ICEB), índice que avalia as expectativas do setor produtivo do estado, calculado pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), apresentou, em outubro, um quadro de menor confiança comparativamente ao observado no mês anterior.

A confiança recuou em outubro, mas não o suficiente para suplantar o avanço ocorrido um mês antes. Numa escala que pode variar de -1.000 a 1.000 pontos, o ICEB marcou -106 pontos, piora de 23 pontos em relação ao registrado em setembro (-83 pontos).

Com o retrocesso mais recente, as expectativas continuaram a apontar pessimismo no meio empresarial baiano. O ICEB, na verdade, ficou abaixo de zero pela sexta vez seguida. A expectativa geral do empresariado local, assim, permaneceu na zona de Pessimismo Moderado.

A piora observada no nível de confiança evidenciou o declínio nos indicadores de três das quatro atividades: Indústria, com queda de 82 pontos; Serviços, com recuo de 4 pontos; e Comércio, com redução de 43 pontos. No setor de Agropecuária, por outro lado, ocorreu uma alta de 44 pontos.

Ao fim, em outubro, a Agropecuária assinalou 196 pontos; a Indústria, -84 pontos; os Serviços, -170 pontos; e o Comércio, -70 pontos. O otimismo, portanto, prevaleceu unicamente na atividade agropecuária, setor de maior pontuação pela décima vez consecutiva. O segmento de Serviços, por outro lado, exibiu o menor patamar de confiança entre os setores pelo terceiro mês seguido.

Do conjunto de itens avaliados, crédito, PIB estadual e PIB nacional apresentaram os indicadores de confiança em pior situação no mês. Em contrapartida, inflação, vendas e juros foram aqueles com as melhores expectativas do empresariado baiano.

O boletim completo com as análises referentes ao mês de outubro pode ser acessado diretamente do site da SEI clicando aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *