Menor demanda pressiona valores em período de entressafra
24/01/2017
Confaz altera preço de referência de combustíveis em 12 Estados e no DF
24/01/2017
Mostrar tudo

Fonte: Valor Online

O consumo de gás natural, no Brasil, caiu 7,9% em novembro do ano passado, na comparação com igual período em 2015, informou ontem a Associação Brasileira das Empresas Distribuidoras de Gás Canalizado (Abegás). Segundo levantamento estatístico da entidade, foram comercializados no mês retrasado, em média, 68,72 milhões de metros cúbicos de gás por dia, a maior média mensal de 2016, que representa uma alta de 5,6% em relação a outubro. A associação ainda não consolidou os dados do ano passado, mas entre janeiro e novembro de 2016 as vendas de gás acumulavam uma retração de 20,71%. A expectativa da Abegás, no entanto, é que o mercado brasileiro se recupere gradualmente, principalmente o setor industrial. Em novembro, o consumo nas indústrias caiu 4,5%, na comparação anual, para 26,711 milhões de m3 /dia. Ante outubro, no entanto, houve aumento de 2,25% Já a demanda no segmento termelétrico caiu 24% ante novembro de 2015, para 22,80 milhões de m3/dia, mas cresceu 18,3% na comparação com outubro. No setor automotivo, os dados são mais positivos: as vendas nos postos subiram 4,5% na comparação anual e 0,8% ante outubro, para 5,127 milhões de m3 /dia. No mercado residencial, houve aumento de 6,3% em relação a novembro de 2015, para 1,036 milhão de m3 /dia. Frente a outubro, contudo, o consumo caiu 20,9%, devido ao efeito sazonal da elevação das temperaturas, sobretudo na região Sudeste – as temperaturas mais elevadas reduzem o consumo em aplicações com aquecimento de água nos chuveiros.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *