‘O novo coronavírus pode adiar os investimentos do pré-sal’

Preços do petróleo avançam com pacote de estímulo nos EUA, mas demanda afunda
26/03/2020
Equipe de Guedes vê fim de isolamento a partir do dia 7
26/03/2020
Mostrar tudo

Fonte: O Globo / Ancelmo Gois

“O preço do barril de petróleo fechou ontem a US$ 28. O surto do novo coronavírus criou uma situação inédita para os preços do petróleo, com uma demanda em declínio e uma oferta crescente. Preços baixos do barril e crise econômica mais acentuada — com a previsão de que 2020 será um ano perdido —levarão, no setor de óleo e gás natural, a falências de empresas com baixa alavancagem, extremo corte de custos em todos os níveis da cadeia de suprimento, atrasos nas decisões de investimento e fusões para reduzir custos e criar sinergias. Os níveis de endividamento da indústria em todo o mundo estão mais altos do que na crise de 2014. Diante desse cenário, duas consequências para o Brasil: primeiro, queda significativa dos royalties e, segundo, um provável adiamento em investimentos no pré-sal”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *