Preço do etanol hidratado perde suporte com queda no valor da gasolina

Petrobras tem prejuízo no 2º tri por Covid-19; despesas com hedge e PDVs pesam
31/07/2020
Petrobras reduz gasolina em 4%, na 1ª queda desde abril; mantém diesel
31/07/2020
Mostrar tudo

Nova Cana

Os preços do etanol hidratado caíram 1,43% nesta quinta-feira (30), com o valor nas usinas avaliado em R$ 2.070/m³ em Ribeirão Preto (SP). A redução se deu em meio a uma queda de 4% no preço da gasolina, registrado no final da manhã.

Do ponto de vista econômico, a queda de preço do hidratado não pôde ser explicada, pois não há certeza sobre o movimento dos preços da gasolina para os consumidores, onde o impacto é relevante. Ainda assim, a redução retirou o principal suporte aos níveis recordes que vinham sendo observados na safra 2020/21 do Centro-Sul.

Na quarta-feira (29), a S&P Global Platts havia avaliado o etanol hidratado em Ribeirão Preto em R$ 2.100/m³, o mais alto valor para a atual temporada, que começou em 1º de abril.

Desde 7 de maio, a Petrobras vinha aumentando os preços da gasolina nas refinarias, acumulando uma alta de 86%. Ontem, porém, a estatal anunciou uma redução de 4%. Ao mesmo tempo, o preço médio da gasolina nas bombas do Sudeste subiu 7,12%, comprovando uma grande diferença entre as variações nas refinarias e o impacto para os consumidores.

O Sudeste respondeu por quase 37% do consumo total de gasolina no Brasil de janeiro a maio de 2020.

Saiba mais sobre as perspectivas da S&P Global Platts para o mercado de etanol no texto completo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *