Salvador recebe mais uma edição da campanha Feirão do Imposto, gasolina será vendida com 53% de desconto

Secretaria da Fazenda da Bahia descobre esquema de fraude em usinas de etanol
24/05/2019
Programação dos Assessores de Campo de 27 a 31 de maio
24/05/2019
Mostrar tudo

Fonte: Petrobahia

No sábado, 25, dia D da Campanha, a partir das 7h, dois postos parceiros do Feirão vão comercializar 5 mil litros de gasolina cada um, com valor final reduzido, sem repasse de impostos para o consumidor. O desconto é de 53%, com limite de R$ 50,00, para carros, e R$ 20,00, para motos. A ação acontece nos postos Petrobahia na Av. Suburbana e (Mataripe) Vale do Ogunjá.

Promover uma reflexão sobre a alta carga tributária no país. Esse é o objetivo da campanha Feirão do Imposto, que está acontecendo entre os dias 20 a 25 de maio em Salvador, organizada pela Associação dos Jovens Empreendedores da Bahia (Aje Bahia). Com o tema “Menos é mais”, durante a semana, várias ações de mobilização e conscientização acontecem em toda a cidade.

Para a presidente da Aje Bahia, Maria Brasil, ações como a da campanha servem como um alerta à população. “É uma forma de despertar a sociedade para refletir sobre o quanto pagamos em impostos diariamente em diversos bens de consumo e a importância de acompanhar como esse dinheiro arrecadado é aplicado”, destaca.

Sobre o Feirão do Imposto
A campanha foi criada em 2003, na cidade de Joinville (SC), pelo Núcleo de Jovens Empresários da Associação Empresarial de Joinville (ACIJ), que mobilizou a sociedade civil para educar a população a respeito do quanto se paga em impostos. A partir dessa mobilização, o Feirão se tornou uma ação nacional, sendo desenvolvido anualmente pela Confederação Nacional de Jovens Empresários (Conaje) através dos seus movimentos locais, a exemplo da AJE Bahia, com o propósito de disseminar informações tributárias de forma simplificada. O objetivo é conscientizar a população acerca do quanto se paga em tributos sobre produtos e serviços diariamente, sem que haja um retorno devido para a sociedade, despertando o interesse pelo acompanhamento da aplicação dos recursos públicos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *