Não quero interferir, mas não posso deixar que haja abuso, diz Bolsonaro sobre Petrobras

ECB terá biodiesel “carbono neutro”
09/03/2021
Etanol/Cepea: Indicadores seguem em forte elevação
09/03/2021
Mostrar tudo

Valor Investe

O presidente Jair Bolsonaro voltou a defender hoje que a Petrobras precisa dar mais “previsibilidade” sobre reajustes dos combustíveis e que não pode haver “abuso” de preços. A declaração ocorre após a estatal anunciar o sexto aumento consecutivo na gasolina (9%) e no diesel (5,5%).
“Não quero interferir, mas não posso deixar que haja abuso”, disse o presidente, em entrevista à Band TV. “O Conselho da Petrobras poderia ter metodologia que, além de transparência, dê previsibilidade [sobre reajustes]”, afirmou.
Os constantes reajustes foram pano de fundo para a troca na presidência da petrolífera. O executivo Roberto Castello Branco, indicado pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, será substituído pelo general Joaquim Silva e Luna, escolhido por Bolsonaro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *