Cana tem área maior, mas produtividade menor, aponta Conab

Obama proíbe exploração de petróleo e gás em partes do Ártico e do Atlântico
21/12/2016
Operação fecha refinaria que desviava óleo de dutos da Petrobrás em SP
21/12/2016
Mostrar tudo

Fonte: Folha de S. Paulo Online

A área de cana-de-açúcar cresce 5% nesta safra 2016/17, e a produção, 4%, mas a produtividade do período recua 1%.
Esses são os números da Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) para a safra atual.
Conforme a estimativa divulgada nesta terça-feira (20), a área total de cana-de-açúcar sobe para 9,1 milhões de hectares, gerando uma produção de cana de 695 milhões de toneladas.
Já a produtividade média do país, devido ao baixo rendimento em regiões como Nordeste e Norte, fica em 76 toneladas por hectare.
Nos números da Conab, São Paulo lidera, com 83,9 toneladas, elevando a média da região centro-sul para 79 toneladas.
Já o Norte e Nordeste, que têm Estados com produção de apenas 27 toneladas por hectare, como o Ceará, terá uma produtividade de apenas 52,6 toneladas por hectare.
A Conab confirma os dados que a Unica (União da Indústria da Cana-de-Açúcar) vem divulgando: esta será uma safra açucareira.
A produção do país será de 39,8 milhões de toneladas de açúcar, 19% mais do que em 2015/16. Já produção de etanol recua para 28 bilhões de litros, 8,5% menos do que na safra anterior.
Enquanto o álcool do tipo anidro sobe para 11,3 bilhões, com evolução de 1,5%, o hidratado cai para 16,5 bilhões de litros, um recuo de 14%.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *