Conselho da Petrobras aprova listagem da BR na B3, com alienação de até 40%

Deputado apresenta projeto para fechar postos de combustíveis que forem flagrados cometendo fraudes nas bombas
29/09/2017
73% do preço da gasolina é imposto e margem de lucro
29/09/2017
Mostrar tudo

Fonte: Reuters

A Petrobras deu mais um passo rumo à oferta pública inicial de ações (IPO) da BR Distribuidora, com o Conselho de Administração da estatal autorizando o protocolo de registro na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e o pedido de adesão ao Novo Mercado, nível mais elevado de governança corporativa da B3.
Em fato relevante, a petroleira informou também que o Conselho aprovou, em reunião realizada na quarta-feira, a alienação de 25 a 40 por cento da participação acionária detida pela companhia na subsidiária de distribuição de combustíveis.
A BR Distribuidora é considerada um dos ativos de maior valor no programa de desinvestimentos da estatal, que projeta arrecadar 21 bilhões de dólares no biênio 2017-2018.
“Todos os atos necessários para realização da oferta estarão sujeitos à aprovação dos órgãos internos da Petrobras e da BR, bem como à análise e à aprovação dos respectivos entes reguladores”, afirmou a companhia, acrescentando que o comunicado “não deve ser considerado como anúncio de oferta”.
A meta da Petrobras é ter o IPO da BR Distribuidora até 1º de dezembro, conforme disse à Reuters em agosto o presidente do Conselho de Administração, Nelson Carvalho.
Nos últimos meses, a Petrobras vem realizando “ajustes” na BR Distribuidora para o IPO, sendo os últimos movimentos um aporte de 6,3 bilhões de reais e uma cisão para separar recebíveis de dívidas da Eletrobras junto à subsidiária de combustíveis.
A aprovação para abertura de capital da BR Distribuidora foi dada em julho pelo Conselho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *