Petróleo sobe após fala de Mnuchin sobre importadores do Irã obterem isenções

Etanol: hidratado cai 0,45%; anidro sobe 3,17%, recorde em 1 ano e 9 meses
21/10/2018
Senadores consideram encurtar prazo para proibição de venda de carros a gasolina
22/10/2018
Mostrar tudo

Fonte: UDOP

Os preços do petróleo operam em leve alta nesta segunda-feira de manhã, com o mercado voltando a se aproximar das sanções dos EUA contra a indústria petrolífera do Irã, que devem pressionar a oferta.

Às 8h35 (de Brasília), o petróleo WTI para dezembro subia 0,07% US$ 69,33 o barril, na New York Mercantile Exchange (Nymex), e o Brent para dezembro avançava 0,15% a US$ 79,90 o barril, na ICE.

“Comentários do secretário do Tesouro dos EUA de que isenções para compradores de petróleo iraniano só serão concedidos em casos excepcionais são um elemento de apoio” para os preços do petróleo nesta segunda-feira, disse Giovanni Staunovo, analista de commodities do UBS Wealth Management.

O secretário do Tesouro dos EUA, Steven Mnuchin, disse no domingo que seria mais difícil para os importadores do petróleo iraniano obterem isenções dos EUA para contornar as sanções impostas por seu país a partir do dia 4 de novembro.

Em maio, o presidente Trump retirou os EUA de um acordo internacional de 2015 para conter o programa nuclear iraniano, preparando o terreno para a reinstituição das sanções. A produção e as exportações iranianas vêm caindo constantemente desde então, à medida que os compradores se preparam para que as sanções entrem em vigor.

Fonte: Dow Jones Newswires
Texto extraído do portal Terra

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *