Preços do petróleo têm maior nível em 5 meses com estoque menor nos EUA e dólar fraco

Crise reduz valor de ativos de petroleiras
06/08/2020
BR Distribuidora seguirá forte apesar de um 2º tri mais fraco, diz Credit Suisse
06/08/2020
Mostrar tudo

(Reuters) – Os preços do petróleo avançaram nesta quarta-feira para o maior nível desde o início de março, depois de os estoques da commodity nos Estados Unidos registrarem firme queda e o dólar se desvalorizar, embora investidores sigam preocupados com o cenário de demanda em meio ao avanço da pandemia de coronavírus.
O petróleo Brent fechou em alta de 0,74 dólar, ou 1,7%, a 45,17 dólares por barril, enquanto o petróleo dos EUA (WTI) avançou 0,49 dólar, ou 1,2%, para 42,19 dólares o barril.
Ambos os valores de referência chegaram a subir mais de 4% no início da sessão.
Os estoques de petróleo dos EUA tiveram queda de 7,4 milhões de barris na semana passada, segundo a Administração de Informação sobre Energia (AIE). O valor supera o recuo de 3 milhões de barris que analistas projetavam em uma pesquisa realizada pela Reuters.
A desvalorização do dólar, que torna o petróleo mais barato para detentores de moedas estrangeiras, também deu apoio às cotações da commodity.
“Não há como escapar dos benefícios de um dólar mais fraco no espaço das commodities, e o petróleo certamente está se aproveitando desse declínio (da moeda)”, disse Craig Erlam, analista sênior da Oanda.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *